Skip to content

Você precisa pedir dinheiro emprestado?

novembro 15, 2019

 
 

“Antes de pedir dinheiro emprestado, pensar em contratar o saque de um cartão de crédito,  fazer um empréstimo pessoal ou se socorrer com recurso de um amigo ou familiar, é imprescindível que você analise sua situação.””

 
 

Pense se realmente é necessário, de quanto está precisando e como vai pagar o dinheiro tomado emprestado. É nesta situação – com falta de dinheiro e aumento de contas e dívidas – que diversas pessoas buscam fazer empréstimo ou pedir dinheiro emprestado de alguma forma para pagar suas pendências financeiras e dívidas mais urgentes.

pedir dinheiro emprestado

Se você está pensando em pedir dinheiro emprestado ao banco ou algum amigo, entenda aqui em qual situação essa pode ser uma boa alternativa. Confira!

Como decidir se realmente é necessário pedir dinheiro emprestado

Antes de decidir tomar um empréstimo pessoal com os credores disponíveis, é necessário avaliar alguns pontos muito importantes para evitar ficar ainda mais endividado.

 
 

Você deve se perguntar:

  • Você realmente precisa gastar ou pegar mais dinheiro para pagar dívidas
  • Existem outros meios de financiar a compra sem se endividar ainda mais
  • Você vai conseguir pagar o empréstimo no prazo correto, sem atrasar os pagamentos

Você realmente precisa gastar mais dinheiro com juros?

Se você é daquele perfil de “consumidores impulsivos”, antes de realmente decidir comprar o item/objeto, pense por pelo menos dois dias. Com mais clareza de pensamento você poderá entender que não está tão interessado assim em comprar novamente ou gastar o dinheiro com bobagens.

Leia também:
Dicas importantes para antes de solicitar um empréstimo pessoal
Quais as melhores condições para solicitar empréstimo em banco ou financeira
Quais a diferença entre empréstimo e linhas de crédito pré-aprovada
Quando e como fazer o pedido de empréstimo?
Entenda como conseguir empréstimo com salário ou renda extra

Banco de Crédito e Varejo Telefone (0800 / Atendimento / SAC)

Geralmente, pessoas que pegam dinheiro emprestado o fazem sem pensar se realmente vão conseguir pagar, porque sentem que não têm outra forma de conseguir dinheiro, mas uma compra não é o caso. Neste caso, você pode adiar a compra ou não comprar.

Pergunte-se:

  • Eu poderia esperar até que eu possa comprar o item sem pedir dinheiro emprestado a alguém?
  • Se o que eu desejo comprar, há alguma outra forma de obtê-lo, por exemplo, trocá-lo por outra coisa, comprá-lo em segunda mão ou obtê-lo gratuitamente?

Você pode economizar ao invés de pedir dinheiro emprestado?

Se você entender que não tem a necessidade de gastar dinheiro, então uma boa maneira de conseguir comprar o item sem precisar pedir emprestado a juros é economizar durante alguns meses até que se tenha todo o dinheiro.

 
 

Agora, se o problema é pagar dívidas, procure ter realmente certeza que a tomada de recursos irão ajudar a estancar o problema e não aumentar ainda mais o bola de neve que rola atrás de você.

Precisa de alguém para conversar sobre suas finanças pessoais?

Se você está lutando com suas finanças, pode conversar com alguém que saber lidar com dinheiro, online, por telefone ou pessoalmente. Na Internet é possível encontrar consultores especialmente treinados que podem ajudá-lo a começar a resolver seus problemas financeiros.

Conseguir juntar o dinheiro economizando, em vez de utilizar o cartão de crédito ou pedir um empréstimo, custará muito menos para o seu bolso, a não ser que você possua um cartão de crédito sem juros.

Dependendo do produto que você quer comprar é possível que eles esteja em uma promoção de desconto ou, se for tecnologia, atualizado para um modelo superior.

Por exemplo, se você quiser comprar algo que custa R$ 1 mil:

Guardando dinheiro antes de sair gastando

Se você não tem uma conta poupança no banco, mas consegue economizar, por exemplo, 100 reais por mês, levaria dez meses para você conseguir economizar os mil reais e você não precisa pagar juros por isso.

preciso de dinheiro emprestado

Empréstimo bom versus empréstimo ruim – existe isso?

 
 

Exemplo 1 – João é um professor que vai para o trabalho todos os dias de ônibus. Ele consegue um emprego em uma escola melhor que paga o dobro do salário, no entanto ele não consegue acesso através do transporte público.

Então, ele decide comprar um carro, mas não tem dinheiro guardado o suficiente para comprá-lo à vista, portanto precisa pedir dinheiro empréstimo para o banco.

Esse exemplo é um exemplo de bom empréstimo, uma vez que o trabalho de João está lhe pagando mais e ele terá condições de pagar pelo empréstimo.

Claro, isso é em grosso modo, tudo depende do tipo de empréstimo que ele tomará, qual o juros e quanto a parcela custará em relação ao seu novo salário.

Exemplo 2 – Maria quer trocar seu carro antigo por um carro mais novo. Ela acha que precisará de 30 mil reais para conseguir um bom carro popular. Ela não usa o carro para ir pro trabalho, mas gosta da acessibilidade que um carro na garagem para usar quando quiser.

Vamos fazer as contas:

Ela consegue R$ 15 mil no seu carro velho, e terá que pegar emprestado mais R$ 15 mil para comprar o carro novo, ou seja, terá de financiar o restante com juros de 3.60% durante 5 anos.

Ele levará cinco anos para pagar o empréstimo e terá pago um total de R$ 16.572,00 somente com juros, fora o valor principal.

Maria deve pensar com cautela antes de aceitar o empréstimo que o banco ou financeira lhe propôs, afinal ela estará pagando o dobro do valor para financiar seu carro novo e terá uma dívida fixa durante os próximos cinco anos que comprometerá 30% do salário.

Se neste tempo, algum imprevisto acontecer – como uma invalidez ou perder o emprego –, ela pode não conseguir pagar o empréstimo e acabar com o nome inscrito nos órgãos de proteção ao crédito SPC e SERASA, e ainda perderá o carro para o banco

Quando decidir que quer emprestar dinheiro de banco ou financeira

Se você está definitivamente decidido que quer pedir dinheiro emprestado e que conseguirá pagá-lo, existem alguns pontos que devem ser considerados antes.

São eles:

Quanto você pode pagar de parcela pelo empréstimo?

A grande maioria dos brasileiros não conseguem pagar totalmente os seus gastos ao final de cada mês. Uma dica é que, mesmo que você não tenha o dinheiro completo, realize o pagamento máximo que puder de suas faturas, boletos, contas e despesas. Isso poderá acarretará alguns juros, no entanto seu nome não ficará sujo e não ficará sem crédito.

É de extrema importância que você faça uma análise de quanto você realmente pode pagar por mês, pois isso fará toda a diferença na hora de escolher o melhor tipo de empréstimo para você.

Seja realista consigo mesmo, imagine até quanto você pode pagar mesmo que o seu seguro do carro ou pessoal tenha um reajuste, sua conta de água e luz aumentem ou se o seu pagamento salarial não tenha aumento.

Como escolher o tipo certo de empréstimo pessoal

Há diferentes tipos de empréstimo e financiamentos oferecidos no Brasil, você deve escolher o melhor para o seu perfil.

Caso contrário, você poderá pagar mais do que o necessário.

Com a tecnologia que temos disponíveis hoje, é possível simular um empréstimo em fintechs, sites comparadores, credores online, instituições bancárias e financeiras. Ao comparar, analise:

  • A taxa de juros e outras taxas aplicadas
  • Quanto você vai pagar no final do empréstimo (CET)
  • Juros, multas ou qualquer acréscimo no valor se você atrasar uma parcela ou não pagá-la, e;
  • O custo por mês e se isso pode variar

Nem todas as modalidade de crédito disponíveis são boas ou seguras, os empréstimo com agiotas online por exemplo é ruim

Se você não tem um score de crédito muito bom ou está negativado (com restrição no CPF), você pode tentar pegar um empréstimo com restrição (não é aconselhável) não pode ajudar numa emergencia ou então um empréstimo consignado que possui as melhores taxas.

Mais assuntos do seu interesse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *