Skip to content

Financiamento para Universitários com menores taxa de juros

dezembro 15, 2019

 
 

“O financiamento para universitários é cada vez mais solicitado por estudantes que precisam investir em seus próprios estudos. Essa tipo de crédito possui as menores taxas de juros da modalidade.”

 
 

— No Brasil, temos dois tipos de créditos para estudantes: o financiamentos públicos (como o Fies) e os financiamentos de instituições privadas (como instituições bancárias e o Pravaler).

Financiamento para Universitários

Os financiamentos públicos para estudantes são custeados pelo governo, a linha de crédito destaca-se pelas baixas taxas de juros, pela facilidade de aquisição, pelas condições de pagamento, além de prazos diferenciados e os limites de endividamento no Fies são relativamente alto e beneficia estudantes de baixa renda.

Quer saber como funciona o Fies e também os financiamentos privados para estudantes, você tá no lugar certo! Fizemos este post para explicarmos como você pode se beneficiar e utilizar esse tipo de crédito oferecido. Confira, pode ser uma ótima oportunidade para você.


O que é FIES?

O Fies – Fundo de Financiamento Estudantil, é um programa de financiamento estudantil para universitários patrocinado pelo MEC (Ministério da Educação) para auxiliar na formação e no ensino superior de alunos matriculados em instituições privadas.


Quem pode financiar o Fies?

Podem financiar o Fies, os alunos matriculados em cursos superiores (universidades e faculdades), no entanto, estes alunos devem possuir uma avaliação positiva nos processos seletivos realizados pelo Ministério da Educação.

O Fies financia diversos cursos universitários, geralmente são cursos de graduação com duração de 3 anos ou mais, que estão incluídos no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES), das instituições de ensino superior envolvidas no FIES.

A taxa de juros efetiva é 6,5% ao ano ou 0,54% ao mês independentemente do curso escolhido pelo aluno. Dependendo da renda familiar do estudante o Fies pode financiar até 100% dos estudos.


Financiamento estudantil privado

O financiamento estudantil para universitários através dos bancos e financeiras privadas é diferenciado, o nome muda um pouco, as pessoas chamam de diversos nomes, o nome pode até ser diferente, no entanto, o objetivo em todas estas instituições são o mesmo.

No Brasil, é possível encontrar uma vasta gama de financiamento estudantil privado caso você não tenha sido aprovado no Fies e procura outras alternativas de financiamento.

Falando em termos privados, os créditos são concedidos para cursos técnicos, de graduação e pós-graduação, independentemente de serem presenciais ou a distância, no entanto, as instituições educacionais devem ser conveniadas.

Estes programas de financiamento para estudantes são fornecidos com o objetivo principal de permitir que mais cidadãos consigam realizar o sonho de se formar estudando em universidades particulares de boa qualidade.

O financiamento estudantil privado proporciona prazos flexíveis, são fáceis de contratar e sem muita papelada. As taxas de juros dos bancos que oferecem empréstimo estudantil variam da faculdade e do curso desejado, mas estão dentro de 0% a 2% ao mês.


Bancos e financiadores

Crédito Pravaler: O crédito universitário Pravaler é uma modalidade de crédito estudantil que permite ao aluno pagar os estudos com uma duração mais extensa, de uma maneira mais suave.

Instituto Educar: O Instituto Educar oferece crédito em faculdades e universidades de todo o Brasil. O financiamento pode variar de 10% a 50% da mensalidade, juntamente com uma taxa de juros de 0,34% ao mês.

Existem diferentes opções de financiamento para universitários, como, por exemplo, Cebrade, Fundaplub e Validata. Além das taxas de juros baixas, estas linhas de crédito oferecem muitas outras vantagens. Você também pode consultar os bancos Itáu Unibanco, Bradesco, Santander, HSBC, entre outros.

Deseja obter um financiamento estudantil com as melhores taxas e benefícios?

Analise todas as escolhas prováveis, avalie todos os bancos, financeiras e empresas de financiamentos, atenção a todas as taxas cobradas, as condições de reembolso e outras informações aplicáveis ​​ao empréstimo antes de tomar uma decisão final.

Mais assuntos do seu interesse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *